Arquivo da tag: Plantas de aquário

Ammania senegalensis

A Ammania senegalensis é uma planta de caule com coloração avermelhada, que da um contraste muito bonito em meio as outras plantas verdes dentro do aquário. São plantas muito exigentes com relação a iluminação, o que é padrão dentre as plantas de cor vermelha. Mas também necessita muito de substrato fértil e adição de CO2para garantir a saúde da planta.

Continue lendo Ammania senegalensis

Deixe aqui seu email para receber novidades.

Bacopa rotundifolia

A Bacopa rotundifolia é uma planta que, apesar de não ser muito exigente quanto a manutenção, por ter uma robustez grande, necessita de substrato fértil, uma boa iluminação e também de injeção de CO2 em seu aquário. Mas irão se adaptar rapidamente se oferecidas as condições necessárias para elas, e quando elas estiverem bem confortáveis em seu aquário e com uma iluminação intensa, ela apresentara uma coloração acobreada muito interessante.

Continue lendo Bacopa rotundifolia

Ludwigia glandulosa

A Ludwigia glandulosa é uma das plantas aquáticas mais vermelhas dentre as vermelhas, e também uma das menos exigentes dentre as vermelhas. Mas isso não quer dizer que seja uma planta de manutenção fácil. É uma planta que demanda de manutenção média mas que depende muito de uma boa iluminação e intensa, também demanda substrato fértil, principalmente enriquecido com ferro,e de preferencialmente com adição de fertilizantes eventualmente e também necessita de adição de CO2.

Continue lendo Ludwigia glandulosa

Hemianthus micranthemoides

A Hemianthus micranthemoides é uma planta que forma moitas bem densas e com uma formação muita bonita, mas isso quando as podas são bem feitas. Por terem folhas pequenas e delicadas, essas plantas são muito indicadas para compor a parte intermediária do aquário servindo como uma planta de transição da parte da frente para a parte detrás do seu aquário.

Continue lendo Hemianthus micranthemoides

Rotala rotundifolia

A Rotala rotundifolia é considerada uma das melhores plantas para serem plantadas na parte do fundo do aquário, e quando plantadas corretamente e muito bem podadas elas formam uma moita bem compacta e atraente. Contudo ainda podem ser usadas como plantas intermediárias, aquelas usadas na porção intermediária do aquário como plantas de transições, para isso bastam podas mais frequentes.

Continue lendo Rotala rotundifolia

Urticularia graminifolia

A Urticularia graminifolia é uma das mais espetaculares plantas carpetes que se podem encontrar, e essa planta tem uma peculiaridade única entre as plantas aquáticas, elá é uma planta carnívora. Exatamente isso que você leu, ela é carnívora, e sua principal fonte de nutriente é a base de minúsculos animais encontrados na água do aquário. Quando bem adaptadas em nosso aquário ela fecha completamente o substrato em nosso aquário como se fosse uma moita bem compacta e com muitas folhas.

Continue lendo Urticularia graminifolia

Eleocharis Vivipara

A Eleocharis vivipara é a maior das Eleocharis, chegando até a 30 centímetros de altura, e por conta do seu tamanho são indicadas para serem plantadas em aquários altos e sempre na porção inferior do aquário, onde suas folhas finas e longas entram em um contraste muito bonito com o fundo preto do aquário e outras plantas com folhas mais largas.

Continue lendo Eleocharis Vivipara

Eleocharis minima

A Eleocharis minima é uma variedade da Eleocharis, e dentre elas essa é a que tem o menor tamanho. Muito utilizada como planta carpete, pelo seu alastramento rápido e seu formato que lembra um campo gramado verdinho. São plantas altamente indicadas para aquaristas principiantes para formar o carpete, pelo simples fato de seu crescimento ser rápido, e sua manutenção ser fácil. Ela não precisa de Co2, embora seja indicado a injeção do mesmo, mas é indispensável o uso de substrato fértil.

Continue lendo Eleocharis minima

Eleocharis acicularis

A Eleocharis acicularis é uma planta muito indicada para aquaristas com pouca experiência, e ótima para compor a parte da frente de aquário altos, ou então fazer parte da transição do layout, sendo plantadas na parte intermediária em porções na frente de rochas, o que da muito destaque para as mesma.  São plantas de manutenção relativamente fácil, que não requer muita iluminação, e muito menos a injeção de Co2, embora o uso de Co2 seja recomendado. Mas mesmo com toda essa facilidade ela precisa de um substrato fértil.

Continue lendo Eleocharis acicularis

Didiplis Diandra

A Didiplis diandra é uma planta que muda muito, tando no espaçamento e no formato de suas folhas como na própria coloração das mesmas, tudo dependendo da quantidade de iluminação oferecida para a planta. A coloração pode varias de verde chegando até mesmo a um cobreado, que é muito procurado pelos aquapaisagista para compor seus layouts, dando assim um impacto visual muito maior.

Continue lendo Didiplis Diandra