Tucunaré

Tucunaré é um dos peixes mais visados pelos pescadores esportivos, ele da um show quando fisgado. Por sua característica de brigador, e de caçar sua presa até o final, a emoção esta sempre presente na fisgada desses peixes.

Tucunaré é um excelente espreitador, e espera a hora perfeita para dar o bote em sua caça. Sendo assim é sempre importante manter a isca em movimento para que esse magnifico peixe da amazônia a capture muitas vezes saindo até da água.

Vamos passar agora algumas característica, dicas de equipamentos e iscas, e algumas curiosidades sobre o Tucunaré para que todos os pescadores esportistas sintam a emoção de fisgá-los:

Nome popular:
São conhecidos com o nome de Tucunaré

Nome científico: 
Dentro das variações de cerca de 14 espécie é chamado de Cichla spp.

Origem:
São peixes nativos da America do Sul, encontrados em toda a Bacia Amazônica e Araguáia Tocantins.

Tamanho:

São peixes que atingem de 30 cm a  mais de 1 metro de comprimento total, e a medida autorizada para retirada desse exemplar dos rios é de acima de 25 cm

Equipamento:
Para a pesca do Tucunaré é recomendado varas de ação média para grande maioria e média/pesada para exemplares maiores. Normalmente usando uma linha de 17 a 30 lbs com um anzol que deve variar entre nº 2/0 a 4/0.

Isca:
Já em relação as iscas, os Tucunarés preferem peixes e camarão quando se trata de isca natural. Mas aceitam muito bem as iscas artificiais, podendo variar em uma grande quantidade de cores e profundidades.

Dicas:
Os Tucunarés, por serem peixes muito esportivos, é recomendado o uso de arranque com linha grossa, isso evita perder o peixe nas galhadas. Com relação as iscas artificiais, a pescaria se torna mais emocionante com o uso de plug de superfície, pois o Tucunaré irá “explodir” na superfície da água em busca de abocanhar sua presa.

Deixe aqui seu email para receber novidades.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *