Tudo o que você precisa saber sobre o Danio Gigante

Danio Gigante

O Danio Gigante é um peixe pacífico e com comportamento ativo, nadando sempre a meia altura, cerca de 5 centímetros da superfície do aquário. É um peixe acostumado a nadar em cardumes, de no mínimo 5 indivíduos, o que torna a movimentação dos peixes ainda mais bela.

O Danio Gigante é um peixe que quando bem adaptados nos aquários começam a se reproduzir sem problema. Também não é nenhum problema cuidar do Danio Gigante, pois é um peixe que não requer muita atenção por parte do aquarista e é bem resistente, altamente indicado para aqueles que estão inicianto no mundo dos aquários, que ainda não tem muita experiência com peixes.

Mesmo sendo fácil de ser mantido em aquários, o Danio Gigante requer alguns cuidados para poder ter sua vida útil aumentada e deixá-los ainda mais vistosos e vibrantes. Segue a ficha técnica do Danio Gigante:

Nome popular:
São conhecidos com o nome de Danio Gigante

Nome científico:
Foi batizado de Devario malabaricus

Origem:
São peixes encontrado na Ásia,Índia e Sri Lanka.

Temperatura:
Para manter a qualidade do habitat ideal para o Danio Gigante, a água deve estar entre 20°C e 26°C, mas de preferência manter em 24°C.

Água:
O pH da água deve ficar entre 6.4 a 7.4

Alimentação:
Danio Gigante é um peixe de alimentação onívora que aceita todos os tipos de alimentos, alimentos congelados, alimentos vivo e ração industrializada. Mas de preferencia os alimentos vivos de ótima qualidade farão com que os peixes mostrem todo o potencial de suas cores.

Tudo o que você precisa saber sobre o Danio Gigante

Preparamos esse video para que você conheça melhor o Dânio Gigante.

Deixe aqui seu email para receber novidades.

10 comentários em “Danio Gigante”

  1. Olá, gostaria de saber em primeiro lugar como você adquiriu todos os seus conhecimentos sobre o assunto. Peixes , aquários e plantas ornamentais ?
    Tenho dois Danios Gigante , e um deles fica perseguindo o outro parecendo que está atacando o outro. Sempre é o mesmo que agride . O que esta acontecendo com eles ? Qual a diferença entre o macho e a fêmea ? Vale ressaltar que o meu aquário é comunitário. Inclusive tem 03 peixinhos que acabaram de nascer. Não são filhotes do Danio. Aguardo sua resposta. Obrigado.

    1. Olá Moisés,

      Eu gosto muito de aprender sobre esse tema, então procuro ler revistas e livros, também procuro algumas coisas na internet, e no começo foi bem difícil de achar informações, por isso decidi fazer o blog, para ajudar pessoas a não ter a mesma dificuldade que eu tive.

      Sobre os seus peixes, muito provavelmente os dois são macho e o maior afugenta o menor, isso é um comportamento normal. Eu já enfrentei esse problemas, e infelizmente tem apensa duas coisas a fazer, ou separar os peixes, ou aumentar o espaço, no meu caso tiver que separar os peixes e devolver um para a loja de onde comprei.

      Abraços

    2. Olá Moisés. Acredito que uma saída também possa ser aumentar a quantidade de Danios desde que, é claro, seu aquário comporte. Como este é um peixe que vive em cardume, eles se sentirão melhor com mais indivíduos da mesma espécie, e isto dividirá a atenção do macho dominante do grupo… Tenho 6 destes simpáticos peixes em meu aquário comunitário e eles passam boa parte do tempo numa espécie de “disputa hierárquica”. No meu caso, pelo menos, não é uma disputa agressiva a ponto de gerar machucados ou tirar a qualidade de vida dos peixes do cardume. Abraço e sucesso!

  2. Olá! Em primeiro lugar, parabéns pelo site! Muito bem feito e informativo! Eu adquiri 6 Danios para meu aquário de 150 litros, que estão convivendo com 4 Colisas (1 macho e 1 fêmea de Colisa Cobalto, 1 fêmea de Colisa Gold e 1 fêmea de Colisa Sangue). Estou gostando muito do resultado, ainda que de início eles tenham intimidado um pouco as Colisas por sua movimentação intensa. Já no segundo dia estão todos convivendo muito bem, as Colisas estão ficando bem à vontade com eles.

  3. Tenho 3 Danios Gigantes em meu aquário, todas as recomendações específicas para um bom habitat para os mesmos citadas acima, com relação à água do aquério, estão em conformidade, e já estão comigo há 2 anos… só que um deles vive com a boca aberta, como se a mandíbula estivesse solta… ( e mesmo assim se alimenta normalmente) e está se deformando, ou seja, está cada dia num formato cada vez mais diferente que os outros dois. E nada normalmente, na mesma velocidade e desenvoltura dos outros. O que pode está havendo com ele?… Se diagnosticar o problema, o que fazer?

    1. Possuo 3 danios, 1 deles há um bom tempo vem se deformando e com a boca aberta, hoje notei q um outro danio ja está com a boca aberta também. Estou curioso p saber o motivo. Todos nadam normal e se alimentam normal

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *