O tamanho ideal para um lago ornamental

Em muitos dos casos, aristo até a dizer que cerca de 90 a 95% dos casos, quando resolvemos fazer um lago ornamental pensamos da seguinte forma: “Quanto menor for meu lago, menos será o investimento inicial e menos eu vou gastar com a manutenção do mesmo”.

Infelizmente esse é um conceito popular que contem muitos erros por tás, pois após pesquisar diversos problemas enfrentados pelos lagos, as empresas especializadas na construção dos mesmo, tendo um vasto estudo feito in loco, conseguem garantir que para lagos externos o tamanho mínimo que garantiria maior eficiência do ecossistema natural, diminuindo assim os custos com o mesmo seria um lago de no mínimo 6 metros quadrados.

Mas ai você me pergunta: “eu não tenho todo esse espaço, então não posso fazer meu laguinho?” Calma, para lagos menores do que esse tamanho é totalmente aconselhável lagos em ambientes internos, visto que esses ficam protegidos de alguns intempéricos da natureza, como luz solar direta e chuva, bem como variação brusca na temperatura.

Eu sei, é difícil acreditar que um lago menor vai ser mais custoso do que um lago maior, mas esse custo se mede ao longo do tempo, é claro que quanto menor o lago, menos teremos que gastar em sua implantação, que na teoria é um custo que teremos que ter uma única vez. Já com a manutenção é totalmente o contrário, onde teremos um valor menor que a instalação mas periodicamente. E em projetos pensados de maneira aleatória, onde as medidas não se encaixam ao ambiente escolhido, essa manutenção começa a ficar cada vez mais cara e dispendiosa até que o hobbista desistem do projeto e o lago vira apensa um jardim com flores.

lago-ornamental

Deixe aqui seu email para receber novidades.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *