Tudo o que você precisa saber a iluminação do aquário

12 Passos para montar seu primeiro aquário – Parte 8 – A iluminação do aquário

Prosseguindo com nossa serie de posts sobre os 12 passos para montar seu primeiro aquário, vamos falar agora sobre o passo 8 – “A iluminação do aquário”.

Essa questão da iluminação dos aquários tem duas vertentes diferentes, uma para aquários plantados, e outra para aquários com plantas artificiais. Mas primeiro vamos falar sobre a iluminação para aquário com plantas artificiais. Nela, a iluminação é única e exclusiva para os peixes, com isso as lâmpadas podem ser dessa comum que utilizamos em nossas casas. E essa iluminação será para simular o sol, ou seja, ela deve ficar ligada durante 8 a 12 horas diretas, o chamado foto período, tempo em que a luz do sol incide nos rios na natureza. E de preferência, a luz deve estar acessa durante o tempo em que o sol está brilhando, e durante a noite devemos desligar nossa luminária.

Já a luminária para aquários plantados é um pouco diferente da luminária de aquários com plantas artificiais, pelo fato de a luz ser mais específica, uma vez que as plantas vivas precisam da luz do sol para fazer a fotossíntese, permitindo com que elas se alimentem com isso; as lâmpadas empregadas em aquários plantados tem essa característica a mais. Mas mesmo assim, o modo de se acender a luminária é exatamente o mesmo, obedecendo de 8 a 12 horas de luminária acesa, e o restante do dia com ela desligada.

Tudo o que você precisa saber a iluminação do aquário

Deixe aqui seu email para receber novidades.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *